conecte-se conosco




MUNICÍPIOS

Prefeito Pedro de Paulinho se reúne com o governador Jerônimo em Salvador

Durante a reunião, foram abordadas diversas pautas de grande relevância para o município.

Compartilhe

Publicado

em

Foto: divulgação

Nesta quinta-feira (16), o prefeito Pedro de Paulinho esteve presente em uma importante audiência com o governador Jerônimo Rodrigues. O encontro, que ocorreu na sede do Governo do Estado, em Salvador, teve como objetivo discutir melhorias para a cidade de Cabaceiras do Paraguaçu.

Durante a reunião, foram abordadas diversas pautas de grande relevância para o município. Uma das principais discussões foi a construção asfáltica entre Cabaceiras e São José do Itaporã, uma demanda antiga da população que trará benefícios para o desenvolvimento econômico e social da região.

Outro assunto abordado foi a edificação de Unidades Básicas de Saúde, visando a melhoria do atendimento à saúde da população cabaceirense. Além disso, foram discutidas novas pavimentações no centro e na zona rural, com o intuito de proporcionar melhores condições de mobilidade e infraestrutura para os moradores.

Além das questões relacionadas ao desenvolvimento da cidade, o prefeito Pedro de Paulinho e o governador Jerônimo também fortaleceram os laços políticos. Ambos demonstraram comprometimento em trabalhar em conjunto para garantir um futuro melhor para Cabaceiras do Paraguaçu.

Pedro reforçou sua determinação em buscar melhorias para a cidade. “Vamos em frente, em busca de um futuro melhor para nossa cidade”, afirmou o prefeito, demonstrando confiança e entusiasmo em relação às ações que serão realizadas em parceria com o Governo Estadual.

Com a união de esforços entre Pedro e o governador Gerônimo, a expectativa é de que Cabaceiras do Paraguaçu alcance avanços significativos em diversas áreas, proporcionando uma melhor qualidade de vida para todos os seus moradores.

Fonte: Ascom

Foto: divulgação
Compartilhe
CONTINUE LENDO

MUNICÍPIOS

Mulher é atropelada no centro de Amargosa; câmera de segurança registrou

Até o momento desta publicação não se tem notícias sobre o estado de saúde dos envolvidos.

Compartilhe

Publicado

em

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Na tarde de ontem, 14, um atropelameto foi registrado no centro de Amargosa, por volta das 18h.

De acordo com o vídeo gravado pela câmera de segurança de um estabelecimento comercial, a mulher chega a olhar para ambos os lados antes de atravessar a rua, mesmo assim não percebe a motocicleta vindo em sua direção, provocando o acidente.

Após o choque, o motociclista é arremessado em direção a carroceria de uma caminhonete que está parada na via e fica levemente ferido.

Uma equipe do SAMU que atendeu a ocorrência encaminhou as vítimas para o Hospital Municipal, entretanto não há informações sobre o estado de saúde deles.

FORTE NA NOTÍCIA


Compartilhe
CONTINUE LENDO

MUNICÍPIOS

Prefeitura de Muritiba divulga atrações do São Pedro da Serra 2024

A festa acontece entre os dias 27 e 29 de junho.

Compartilhe

Publicado

em

A Prefeitura de Muritiba divulgou nesta sexta-feira, 14, as atrações do São Pedro da Serra 2024. A festa acontece entre os dias 27 e 29 de junho e deve reunir milhares de moradores e turistas.

As atrações confirmadas foram: Flávio José, Santanna o Cantador, Chambinho do Acordeon, Netto Brito, Peleth, Sanfona Deitada, Sonhos Luminosos e Deu Xote.

FORTE NA NOTÍCIA

Compartilhe
CONTINUE LENDO

MUNICÍPIOS

Ação interagências desarticula fábricas clandestinas de fogos em Santo Antônio de Jesus

Equipes da Polícia Civil e de outros órgãos fiscalizadores apreenderam mais de meia tonelada de produtos em Santo Antônio de Jesus.

Compartilhe

Publicado

em

Foto: Ascom PC

A Polícia Civil da Bahia, por meio da Coordenação de Fiscalização de Produtos Controlados (CFPC), participou de uma ação interagências na quinta-feira (13), que resultou na desarticulação da produção clandestina de fogos de artifício em quatro propriedades rurais no município de Santo Antônio de Jesus. Um homem foi preso.

Durante as fiscalizações, foram apreendidos 120 quilos de pólvora a granel, 370 quilos de nitrato de potássio e 18 metros cúbicos de fogos clandestinos. A apreensão é resultado do trabalho integrado pela CFPC, por meio da Operação em Chamas, a convite do Ministério Público do Trabalho (MPT), que é responsável pelo cumprimento da sentença da Corte Interamericana de Direitos Humanos, acerca da fiscalização sistemática da produção clandestina de fogos de artifício em Santo Antônio de Jesus e região.

A sentença da Corte Interamericana de Direitos Humanos é oriunda da explosão de uma fábrica de fogos, ocorrida em Santo Antônio de Jesus, em dezembro de 1998, que deixou 64 pessoas mortas. O suspeito preso na ação de quinta-feira (13) havia arrendado o espaço para a produção clandestina dos artefatos explosivos. Todo o material fabricado seria comercializado de forma irregular em feiras.

Participaram das ações equipes do Ministério do Trabalho e Emprego, do Ministério Público do Trabalho, do Exército Brasileiro, da Polícia Rodoviária Federal, do Departamento de Polícia Técnica, do Corpo de Bombeiros Militar e da Polícia Militar, do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia, da Secretaria da Fazenda do Estado e do Conselho Regional de Química – 7ª Região.

O homem preso encaminhado para a Delegacia Territorial de Santo Antônio de Jesus, onde foi flagranteado por posse, armazenamento e fabricação de artefato explosivo e incendiário, cuja pena varia de três a seis anos de reclusão. Todo o material foi periciado e, pelo risco de explosão, será destruído.

A operação interagências também realizou fiscalização nos municípios de Sapeaçu, Cruz das Almas, Feira de Santana e Serrinha. Nesta última cidade, uma feira de fogos foi interditada por não atender aos critérios mínimos necessários para armazenar e comercializar os produtos.

Operação em Chamas

Parte dos materiais apreendidos pela CFPC nas feiras de fogos tem indícios de origem de produção irregular e clandestina. Estabelecimentos comerciais foram advertidos e multados pelo CFPC, além de outras sanções aplicadas pelos outros órgãos participantes da fiscalização.

A Operação em Chamas foi deflagrada pela CFPC no início deste mês e já passou pelas principais cidades onde há feiras e forte comercialização de fogos.

ASCON

Compartilhe
CONTINUE LENDO

Mais Lidas