conecte-se conosco



POLÍTICA

Celular de Bebianno que traz registros de conversas com Bolsonaro está no Brasil

Publicado

em

O telefone celular em que o ex-ministro Gustavo Bebianno registrou um ano e meio de conversas com Jair Bolsonaro retornou ao Brasil e está “muito bem guardado”, segundo afirmou um amigo do ex-aliado do presidente, à coluna de Thaís Oyama, no UOL. Bebianno morreu em março deste ano, após um infarto.

O aparelho estava nos Estados Unidos, aos cuidados da irmã de Bebianno. Três meses antes de morrer, em entrevista à rádio Jovem Pan, o ex-aliado, que rompeu com o presidente, revelou ter guardado “um material, inclusive fora do Brasil” para o caso de algo lhe acontecer.

Segundo o amigo de Bebianno, depois de seu rompimento com Bolsonaro, o ex-ministro chegou a deletar o conteúdo do celular, “num acesso de raiva”. Mais tarde, arrependeu-se e conseguiu restaurar os diálogos — a maioria em forma de áudio por Whatsapp.

Ainda segundo a coluna, uma pessoa que conhece o teor das conversas afirma não ter identificado nelas indícios de crimes, mas diz considerar que a revelação dos diálogos seria “destruidora” para o presidente, devido a “questões morais muito pesadas”.

Compartilhe
CONTINUE LENDO

POLÍTICA

TSE aprova ‘Brasil da Esperança’, federação formada por PT, PCdoB e PV

Na primeira rodada da federação “Brasil da Esperança”, a presidência ficará com Gleisi Hoffmann, presidente do PT.

Compartilhe

Publicado

em

Fotos: Lucio Bernardo Jr./ Ca?mara dos Deputados; Divulgação; Joca Duarte/GOVSP

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou, nesta terça-feira (24), por unanimidade, o pedido de registro da federação de centro-esquerda formada pelo PT, pelo PCdoB e pelo PV. O nome escolhido para a união de legendas foi “Brasil da Esperança”.

De acordo com os ministros do TSE, o grupo de partidos apresentou todos os documentos exigidos para a formação da primeira federação partidária da política brasileira.

No programa da federação, constam como prioridades a revogação do teto de gastos, a tributação de detentores de grandes fortunas e uma nova reforma trabalhista, que reverta as mudanças na legislação sancionadas pelo governo de Michel Temer (MDB), em 2017.

Na primeira rodada da federação “Brasil da Esperança”, a presidência ficará com Gleisi Hoffmann, presidente do PT. José Luiz Penna (PV) e Luciana Santos (PCdoB) dividem a vice-presidência.

Bahia Notícias

Compartilhe
CONTINUE LENDO

POLÍTICA

TSE apresentará sistema eleitoral e urna eletrônica a diplomatas estrangeiros na próxima terça

Diplomatas elegerão o time de futebol brasileiro preferido entre as embaixadas

Compartilhe

Publicado

em

Foto: Divulgação

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) realizará na próxima terça-feira (31) o evento “Sessão Informativa para Embaixadas: o sistema eleitoral brasileiro e as Eleições de 2022”.

Segundo a Corte, o encontro prevê uma série de apresentações sobre as eleições no Brasil e o sistema eletrônico de votação, que servirão como oportunidade para o esclarecimento de dúvidas e questionamentos que surgem com frequência nos contatos do público estrangeiro com o TSE.

Entre as 10h e as 17h da terça-feira (31), os diplomatas poderão conhecer o calendário das Eleições 2022 e o sistema eletrônico de votação, inclusive participando de uma votação simulada, em que elegerão o time de futebol brasileiro preferido entre as embaixadas.

De acordo com o assessor-chefe para Assuntos Internacionais do TSE, José Gilberto Scandiucci Filho, o evento tem uma importância estratégica para promover ampla transparência do processo eleitoral brasileiro a cidadãos e observadores internacionais, além de dar visibilidade ao Programa Permanente de Enfrentamento à Desinformação desenvolvido pelo Tribunal.

Metro1

Compartilhe
CONTINUE LENDO

POLÍTICA

Roma rechaça rumores de que Bolsonaro pode declinar de sua candidatura para apoiar Neto

Pré-candidato a governador da Bahia disse ainda que ele não é desistir de disputar eleição

Compartilhe

Publicado

em

Foto: Fabio Rodrigues/Agência Brasil

Pré-candidato ao governo da Bahia, o deputado federal João Roma (PL) rechaçou, nesta segunda-feira (23), rumores de que o presidente Jair Bolsonaro (PL) pode declinar de sua candidatura para apoiar o ex-prefeito soteropolitano ACM Neto (UNIÃO). A informação foi divulgada pelo jornal Valor Econômico.

“Não corresponde aos fatos o que vem sendo veiculado na imprensa de que minha pré-candidatura estaria sendo avaliada pelo presidente Bolsonaro. A notícia plantada revela apenas à vontade de quem se sente ameaçado pelo crescimento da minha pré-candidatura que continua firme e forte ao lado do presidente Bolsonaro”, disse Roma.

Roma disse ainda que ele não é desistir de disputar eleição. “Só se vence eleição, disputando-a e depois de contabilizado o último voto. Mas tem gente que acha possível ser de outra forma. Ser eleito pelas pesquisas antes de outubro. Não tem coragem de enfrentar o que foge ao seu controle: a vontade do povo da Bahia”, ressaltou, ao cutucar ACM Neto.

Metro1

Compartilhe
CONTINUE LENDO

Mais Lidas

novo