conecte-se conosco



MUNICÍPIOS

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia suspende aulas por tempo indeterminado

Publicado

em

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) decidiu, nesta segunda-feira (16), suspender as atividades acadêmicas por tempo indeterminado, devido à pandemia do novo coronavírus. A medida da reitoria da UFRB começa a valer a partir desta terça (17).

O Conselho Universitário (Consuni) se reunirá às 13h desta terça para discutir um plano de contingência e definir ações a serem implantadas durante o período de suspensão. A UFRB ressaltou, em nota, que não há casos suspeitos de coronavírus na sua comunidade acadêmica. Entretanto, um dos campi da universidade fica localizado em Feira de Santana, município baiano com o maior número de casos confirmados da doença.

Compartilhe
CONTINUE LENDO

MUNICÍPIOS

Após arrancar dente em clínica particular em Nazaré, mulher passa mal e morre; dentista que fez procedimento fugiu

A mulher foi identificada como Roseli dos Santos.

Compartilhe

Publicado

em

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Uma mulher de 47 anos, passou mal e morreu após arrancar um dente em uma clínica particular de Nazaré, cidade do Recôncavo Baiano. O caso aconteceu na terça-feira (24) e, nesta quinta (26), é investigado pela polícia.

A mulher foi identificada como Roseli dos Santos. Segundo a família dela, a clínica onde o procedimento foi feito é nova na cidade. A dentista que fez o procedimento, que também seria médica, teria fugido do local após a situação.

Roseli era diabética e hipertensa, e chegou a ser atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Ela foi levada para a Santa Casa de Misericórdia, mas não resistiu e morreu. Não há detalhes sobre o sepultamento de Roseli.

Conteúdo G1

Compartilhe
CONTINUE LENDO

MUNICÍPIOS

Mulher dá à luz no sofá de casa após procurar hospital duas vezes em Feira; unidade nega ter recusado internação

Família diz Monique Bastos estava com 30 semanas de gestação e não conseguiu internamento por estar com dois centímetros de dilatação.

Compartilhe

Publicado

em

Foto: Arquivo pessoal

Uma mulher de 24 anos deu à luz no sofá de casa depois de ir duas vezes aos Hospital da Mulher, em Feira de Santana, cidade a cerca de 100 quilômetros de Salvador, e retornar para a residência sem conseguir o internamento na unidade.

O procedimento foi realizado pela mãe da gestante, Lindalva Bastos, com o auxílio da irmã, na quarta-feira (25). Elas acionaram uma equipe do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu), que chegou ao imóvel, cortou o cordão umbilical e encaminhou os dois ao hospital. Mãe e filho passam bem.

Monique Bastos estava com 30 semanas de gestação e procurou a unidade pela primeira vez no final de semana, quando começou a sentir dores. Como a gestante tinha somente dois centímetros de dilatação e a bolsa não estourou, segundo a família, os médicos disseram para ela voltar para casa.

Na tarde de quarta-feira, a gestante voltou ao hospital com dores, foi avaliada outra vez e ouviu dos médicos que não havia dilatação suficiente para o internamento. A família retornou para casa e realizou os procedimentos para induzir a abertura do canal para saída do bebê. Enquanto Monique tomava o banho quente, a bolsa se rompeu e Lindalva pôs a gestante no sofá.

O Hospital da Mulher informou que a gestante foi avaliada às 14h, quando deu entrada na unidade, com três centímetros de dilatação. Às 16h, a dilatação estava em cinco centímetros.

Ainda conforme o hospital, a médica disse que Monique seria reavaliada em duas horas para fazer o internamento e em nenhum momento foi dito que ela não estava em trabalho de parto, nem que ela voltasse para casa.

Conteúdo G1

Compartilhe
CONTINUE LENDO

MUNICÍPIOS

Pedro Tavares ressalta pedido de recuperação da BA-491 que liga Governador Mangabeira a Cabaceiras do Paraguaçu

Publicado

em

O deputado estadual Pedro Tavares (União Brasil) reiterou a cobrança ao Governo do estado em favor da recuperação da BA-491, que liga o município de Governador Mangabeira à Cabaceiras do Paraguaçu. Segundo o parlamentar, a gestão estadual precisa recuperar de forma urgente essa rodovia que tem grande importância para a região, sendo ligação entre a BR-101 e a BR116.

“São péssimas as condições da estrada, com muitos buracos, levando riscos aos motoristas e motociclistas. É lamentável a situação da estrada que liga os municípios de Governador Mangabeira à Cabaceiras do Paraguaçu, chegando à balsa. Diante do abandono da rodovia e da demora do Governo do estado em se manifestar, o prefeito de Governador Mangabeira, fez uma obra de reparo na estrada, que é essencial ao trajeto diário entre as localidades da região. Mas, agora em virtude do longo período de chuvas, a BA está totalmente esburacada de novo. Pedimos a sensibilidade do Governo para que recupere já essa estrada, tendo em vista os prejuízos e os riscos que os cidadãos que trafegam por ela estão sofrendo diariamente ”, relatou Tavares.

Compartilhe
CONTINUE LENDO

Mais Lidas

novo